Apreciare | Exercícios físicos que mais se beneficiam do consumo de Whey
16702
post-template-default,single,single-post,postid-16702,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Exercícios físicos que mais se beneficiam do consumo de Whey

Exercícios físicos que mais se beneficiam do consumo de Whey

A Apreciare é uma das grandes marcas brasileiras a lançar iogurtes com enriquecimento proteico através de Whey, revolucionando o mercado e jogando mais delícia na rotina nutricional dos atletas. Mas o que muita gente não sabe é que não fizemos essa escolha por causa de modinha: foi porque sabemos que o Whey pode ser de imensa ajuda para quem treina pesado.

Sabe por que?

Os iogurtes proteicos são ricos em proteínas e possuem um percentual menor de gorduras e carboidratos. A cereja do bolo (fitness, #rs) é que não existe adição de açúcar na composição desse produto: para o sabor agradável que tem, é utilizado o próprio açúcar dos ingredientes envolvidos – ou, em alguns casos, stevia, um adoçante bem mais saudável.

Por esses e outros motivos nossa linha Whey é queridinha de quem precisa fazer uso de uma dieta com bastante proteína e pouco açúcar.

Até aí, tudo bem. Mas a pergunta que não quer calar é: por que precisamos tanto de uma dieta rica em proteínas, principalmente em rotina de exercícios físicos constantes?

Colocando proteína no dia a dia

Você já deve ter ouvido dizer, bem antes de ler esse artigo, que o consumo de proteínas é bom para a dieta. Mas, vem cá, já pensou sobre os benefícios que esse nutriente realmente pode trazer para seu organismo?

O primeiro é esse aqui: a proteína não só faz você se sentir satisfeito por mais tempo, como, também, te ajuda com a perda de gordura, sendo fator importante para a melhora de resultados de perda de peso.

Quando pensamos em proteínas, geralmente nos vem à mente fontes como carnes magras e quinoa (outro ingrediente da moda). Mas e os laticínios? As chances de consumi-los regularmente são grandes, já que a maioria dos brasileiros se alimenta, diariamente, de produtos de origem láctea. No entanto, sempre nos esquecemos do alto teor de proteínas que eles possuem.

O consumo de iogurtes whey protein tem sido indicado no auxílio à manutenção dos picos de energia e, também, na redução de medidas – mas é sempre bom lembrar que ele, sozinho, não resolve todo o problema.

Para que o resultado seja potencializado, é necessário aliar o consumo desse alimento à prática de exercícios físicos.

Para quem treina, as proteínas também ajudam na reposição das reservas de glicogênio nos músculos, bastante utilizadas durante a atividade física. A ingestão deve acontecer com alimentos que são fonte de carboidratos, uma vez que a associação de carboidratos e proteínas é muito importante para a recuperação do treino. Juntos, repõem as reservas de glicogênio muscular e aminoácidos essenciais.

Uma vida de equilíbrio

Se você pretende obter resultados apenas malhando, sem se preocupar com a alimentação, vamos à má notícia: você não vai obter os resultados esperados. Muitos nutricionistas e educadores físicos concordam que a proporção é substancialmente igual, de cuidados físicos e alimentação balanceada, para o corpo dos sonhos (ou as medalhas tão almejadas).

Por isso, para que o resultado do seu treino seja satisfatório, é essencial uma boa e adequada alimentação, preferencialmente indicada e acompanhada por seu nutricionista de confiança. Uma dieta adequada vai melhorar seu preparo físico e auxiliar na recuperação do corpo após a malhação.

Sem uma alimentação correta, o organismo não tem energia para praticar qualquer atividade, e, como os músculos e os órgãos vão precisar de uma fonte de energia, o corpo vai retirá-la do músculo.

Por isso que alimentar-se antes e depois do treino ajuda a manter o organismo equilibrado e o metabolismo acelerado, aumentando a eficácia dos exercícios.

O que comer antes e depois do treino?

Antes do treino, o ideal é escolher alimentos com baixo índice glicêmico, como pães integrais, cereais, batata doce ou frutas. Estes alimentos têm digestão mais lenta, portanto o açúcar será liberado no organismo aos poucos, mantendo a energia constante.

Depois do treino, o alimento ideal para recuperar a massa muscular perdida durante o exercício é a proteína. Mas ela não vem sozinha! A refeição deve conter uma quantidade menor de carboidrato para recuperar o glicogênio muscular (combinação de moléculas de glicose que liberam energia para os músculos durante o exercício).

Alimentos proteicos como peito de peru, queijo branco, ricota, cottage, iogurte, leite, carnes magras e soja.

Quer praticidade, sabor e saúde vindo das proteínas? Nosso Apreciare + Whey pode e deve ser utilizado em suas atividades físicas. Ele ajuda no seu desempenho no treino na academia, na caminhada, na corrida, bike, futebol, piscina…

Pode contar com a gente na sua dieta rica em energia e proteínas! 😉