7 Dicas para malhar no inverno - Apreciare
17045
post-template-default,single,single-post,postid-17045,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

7 Dicas para malhar no inverno

7 Dicas para malhar no inverno

Manter a determinação dos treinos no inverno pode ser um obstáculo até para os mais disciplinados. Principalmente nessa época do ano, a cama quentinha torna-se ainda mais convidativa do que os aeróbicos, especialmente para quem precisa se exercitar pela manhã.

Descuidar da academia nessa época pode comprometer seus resultados do ano todo. Mesmo que você retome a rotina de atividades com disposição total após a estação mais fria do ano, isso pode não ser o suficiente para recuperar o tempo perdido. Afinal, mais tarde, pode rolar aquele “sistema de recompensa”, em que você tende a treinar muito mais pesado para recuperar o tempo perdido. 

Para evitar a prática, que pode te deixar mais vulnerável a lesões ou overtraining, separamos 7 dicas para você se atentar e, assim, conseguir manter sua rotina de treinos, mesmo no inverno.

#1 Escolha roupas adequadas

Saia de casa agasalhado, mas esteja atento as roupas que irá escolher para se exercitar. 

Vestimentas pesadas podem te fazer suar mais. Esse desconforto prejudica seu rendimento, uma vez que você se sentirá cansado mais rapidamente. Procure utilizar algumas camadas de roupa ao invés de ir para a academia usando somente um moletom. 

Dessa forma, no decorrer do treino, caso se sinta incomodado, existe a opção de ir retirando as peças aos poucos e não corre o risco de sofrer um choque térmico, pois não estará se expondo a mudanças bruscas de temperatura. 

#2 Inicie pelo aquecimento e alongamento

Apesar dessa etapa ser muito simples e rápida, muitas pessoas a ignoram por desconhecer a importância de se alongar antes de iniciar o treino propriamente dito. 

Fisiologistas afirmam que o risco de lesões é potencializado em dias frios devido a limitação dos receptores cerebrais que levam mais tempo para enviar estímulos para ligamentos, articulações e musculatura. Recomenda-se iniciar pelo aquecimento, que pode ser executado por uma corrida leve ou polichinelo.

Já aquecido, é hora de alongar! O alongamento irá auxiliar na lubrificação das articulações, preparando o corpo para o esforço a ser feito. Sugere-se realizar uma ou duas séries do exercício inicial com baixa carga, mantendo a musculatura o mais esticada possível durante a execução.

#3 Reduza o ritmo 

No inverno, o rendimento é naturalmente afetado. Respeite seus limites e, se preciso, reduza a velocidade de execução dos exercícios. 

O ideal é começar a semana com um treino mais leve e, gradualmente, aumentar o ritmo no decorrer da semana ou do próprio dia. Uma boa dica para esse período é investir nos exercícios de cardio. Converse com o instrutor da sua academia ou peça a orientação de um especialista para ajustar seu treino nesse sentido.

#4 Hidrate-se 

Em dias frios é comum sentir menos sede, mas a ingestão de água continua sendo fundamental. Como o ar fica mais seco, ao sair para se exercitar, não esqueça a garrafinha! Apesar de eliminar menos suor, isso não significa que a perda de líquido não seja significativa. Beber água evitará incômodo pelo ressecamento da garganta e desidratação.

#5 Troque de roupa

Logo após o término do seu treino, é recomendado trocar as roupas umedecidas de suor por roupas secas, mesmo que você planeje tomar banho assim que chegar em casa.

Fisiologistas explicam que, após o exercício, o contato com a roupa úmidas pode prejudicar a regulação da sua temperatura corporal, gerando hipotermia. No banho pós-treino, inclusive, a temperatura deve ser de morna a quente. O corpo estará quente devido à prática de atividade física e expô-lo imediatamente ao frio pode causar inversão térmica.

#6 Preserve sua saúde

No inverno aumentam-se as chances de contração de doenças por algum vírus (como a gripe, por exemplo), principalmente em lugares fechados ou pouco ventilados. 

Por isso, dê preferência a se exercitar em locais abertos. Se estiver na academia, certifique-se de higienizar as mãos com álcool em gel antes de iniciar um novo exercício em colchonetes ou aparelhos compartilhados.

#7 Não esqueça da alimentação pós-treino

Enquanto você começa a colocar as dicas anteriores em prática e trabalhar a determinação para se manter focado durante o inverno, não se esqueça de potencializar os seus resultados ingerindo Whey Protein no pós-treino.

 

A Apreciare tem 8 opções deliciosas de iogurte com Whey Protein que farão todo o seu esforço durante o inverno valer a pena! Por isso, conte com a gente sempre que quiser ter uma vida mais saudável.